Ficou Interessado?

Blog

Descubra agora a relação entre ERP e produtividade na empresa

Como você já deve saber, o termo ERP quer dizer Enterprise Resource Planning (Planejamento dos Recursos da Empresa, em tradução livre). É um software dedicado à otimização dos processos e à troca de informações dentro da empresa. Logo, há uma forte relação entre ERP e produtividade.

Com a ajuda dessa tecnologia, é possível produzir mais e melhor. Ela permite, por exemplo, reduzir o número de erros e agregar fluidez ao que acontece no dia a dia. Também viabiliza a análise de indicadores e a identificação de “gargalos” indesejados, entre outras coisas.

Nos tópicos seguintes, explicamos detalhadamente a relação entre ERP e produtividade na sua empresa. Assim, você saberá como — e quando — usar essa ferramenta em seu benefício. Acompanhe!

Automatiza processos repetitivos

Na empresa, existem muitos processos repetitivos, mas igualmente necessários. O maior desafio é que, quando feitos manualmente, esses processos demandam muito tempo, energia e até dinheiro do negócio. Um bom ERP pode automatizá-los.

Modernos softwares gerenciais têm módulos de automação e permitem que fluxos de trabalho repetitivos sejam executados por robôs inteligentes. Caso a tarefa seja muito específica, é possível contar com um ERP personalizável, desenvolvido para o empreendimento.

Reduz o número de erros e problemas

Ao longo de um expediente, é natural que existam erros e problemas. Mesmo nas empresas mais padronizadas, existe um percentual de erros aceitável, chamado de desvio padrão. No entanto, quando o número de erros e problemas é alto, a empresa perde competitividade.

Em vista disso, outro benefício do ERP é a redução das falhas. Essa tecnologia permite que os departamentos se comuniquem melhor, que os processos tenham um fluxo de trabalho ordenado e que os profissionais se sintam mais preparados para lidar com as adversidades.

Melhora a comunicação interna

É muito difícil pensar em produtividade sem comunicação. Se os profissionais e setores não se comunicam, fica difícil conduzir processos longos, e o caminho mais provável é o erro. Felizmente, o ERP também é uma ferramenta que viabiliza a melhor comunicação interna.

O software permite a rápida troca de informações entre os departamentos e setores da empresa, possibilitando que os colaboradores e gestores fiquem mais informados e possam dar continuidade ao trabalho com eficiência. Então, ganha-se em produtividade diária.

Facilita a identificação de gargalos

O aumento da produtividade diária depende, em grande parte, da identificação e correção de problemas indesejados, geralmente chamados de “gargalos”. O problema é que não é tão fácil diagnosticar esses entraves e suas respectivas causas, o que acaba afetando a empresa.

Assim, o ERP oferece vários indicadores e relatórios gerenciais que permitem a análise do que está acontecendo dentro da empresa e de como determinados processos estão se comportando. Desse modo, fica mais fácil identificar e corrigir falhas.

Agora, você entende como uso de ERP e produtividade estão correlacionados. Um grande desafio, no entanto, é selecionar um ERP de qualidade. Para isso, atente a três itens:

I) a flexibilidade do ERP em atender às demandas da sua empresa;

II) a relação custo-benefício;

III) a reputação e experiência do seu fornecedor. Assim, você tomará a decisão certa.

E então, gostou do nosso artigo, certo?! Descubra, agora, como o ERP pode facilitar a gestão orçamentária da sua empresa e otimizar seus resultados financeiros. Vamos lá!


A Procenge

Somos uma empresa de TI com 47 anos de mercado, sediada no Porto Digital. Know-how no desenvolvimento de soluções de gestão empresarial personalizadas com foco em inovação. Nosso propósito é colaborar com nossos clientes para transformar seus negócios e gerar resultados sustentáveis.