Ficou Interessado?

Blog

Eficiência energética na indústria: entenda como funciona

Eficiência energética tem a ver com a busca por um consumo menor de energia aliado ao uso mais racional desse recurso. Em outras palavras, é um processo que procura otimizar o consumo de energia.

A energia é um dos itens mais importantes dentro da atividade industrial, porque, entre outros motivos, boa parte dos custos de produção são afetados diretamente pelo seu consumo. Com isso, o preço final dos produtos ou serviços entregues ao consumidor acabam também sendo atingidos quando há um gasto maior de energia.

Pensar em formas de garantir a eficiência energética na indústria, de modo a trazer economia para as diferentes etapas do processo produtivo, é fundamental. Confira nossas dicas a seguir e comece a criar alternativas para melhorar os resultados da sua empresa. Boa leitura!

Realize avaliações de consumo

A primeira medida a ser tomada é conhecer os gastos da organização com energia. Essa é uma maneira eficiente de saber se o valor gasto com energia é realmente compatível com as necessidades da empresa.

Comece se organizando para fazer avaliações periódicas de consumo energético. Com essas análises, é possível saber com exatidão quanto a companhia gasta por setor e assim implantar ações que ajudem a otimizar esse gasto.

Um profissional capacitado pode orientar a equipe a respeito de formas de economizar, bem como ajudar a classificar o nível de consumo da empresa de maneira correta. Assim, fica mais fácil reduzir os gastos.

Aposte em automação de processos

A automação é um caminho importante para obter maior eficiência nos processos. Com ela, é possível simplificar as atividades da equipe e acelerar seus movimentos. O dinamismo nas atividades corporativas tende a se converter em aumento de produtividade. A ideia é fazer que cada etapa da cadeia produtiva aconteça da maneira mais eficiente possível e sem desperdícios — o que é essencial para garantir a economia.

Com a automação, é possível usar a tecnologia para potencializar a produção. Isso leva, ainda, a uma redução de desperdícios de matéria-prima e insumos (como água e energia), bem como ajuda a controlar a emissão de resíduos e tornar os processos mais seguros de uma maneira geral.

Acompanhe a eficiência de motores

Você pode fazer a produção gastar menos energia ao aumentar a eficiência dos motores elétricos usados. Reavalie-os e, se for o caso, substitua-os por alternativas mais eficientes. Isso traz economia de custos e aumenta a vida útil das peças.

Na compra, considere fatores que vão além dos preços. Os motores elétricos de eficiência energética Premium, por exemplo, apesar de mais caros, permitem uma economia de energia que pode compensar o valor a mais gasto na aquisição. Outro ponto importante a ser observado são as correias: as sincronizadas são mais eficientes do que as em “V” (que podem comprometer a eficiência operacional com cargas maiores).

Além disso, vale ter atenção à potência atribuída às aplicações, já que é importante buscar operar com um fator de carga que permita a eficiência ideal de cada motor. É importante, ainda, pensar nas aplicações em que as cargas variam de maneira significativa no uso diário. Nesse caso, procure ter um sistema de motor com velocidade variável em vez de usar os modelos tradicionais.

O ideal é que a tensão do motor esteja o mais próximo possível dos limites do projeto. Quando isso não acontece, existe uma diminuição do fator de potência, o que pode fazer a empresa ser penalizada pela concessionária de energia.

Otimize o funcionamento de sistemas de aquecimento e ar-condicionado

É bom prestar atenção a tudo o que envolve aquecimento e ventilação na sua empresa. Esses sistemas podem representar uma grande fatia do consumo diário. Para amenizar esses gastos, é possível determinar a quantidade de energia que o sistema vai utilizar e implementar técnicas de eficiência energética para controlar os custos de maneira que eles estejam sempre dentro de suas possibilidades.

Existem soluções que podem ser instaladas na companhia para a redução do consumo. Um exemplo é o Sistema de Gestão Energética, que permite controlar os usos de energia da organização. Ter atenção a iniciativas desse tipo pode transformar a realidade financeira da empresa.

Economize com iluminação

A iluminação do tipo LED ajuda a empresa a reduzir consideravelmente seus gastos com energia elétrica quando é adotada para substituir as lâmpadas comuns. Esse modelo oferece luz com maior intensidade e menor gasto de energia. Outra opção que traz economia é o aproveitamento da luz natural. Nesse caso, a vantagem é ainda maior, já que se trata de um recurso gratuito.

Soluções nesse sentido incluem o aumento do tamanho das janelas para facilitar a entrada da luz solar, bem como a instalação de divisórias e telhas translúcidas feitas de vidro ou acrílico para permitir a incidência da iluminação natural em espaços antes fechados por telhas opacas.

Para locais que precisam ser fechados, como banheiros, vale instalar sensores de presença para evitar desperdícios com luzes acesas sem necessidade. Outra boa ideia é pintar as paredes com cores claras. Isso permite que a luz incidente reflita melhor e clareie os ambientes com mais intensidade.

Prefira produtos com o selo do Programa Nacional de Conservação de Energia Elétrica (Procel)

Ideia do Governo Federal, o Procel faz a categorização de produtos em uma escala de eficiência energética, que vai de A a E. Cada item recebe um selo que mostra aos consumidores o quanto aquela mercadoria consome de energia e ainda ajuda a preservar o meio ambiente. Assim, o Procel ajuda o consumidor a evitar desperdícios.

A dica, então, é ficar de olho no selo existente nos produtos. Itens com a classificação A, por exemplo, têm eficiência energética máxima, o que significa que podem oferecer economia para a empresa.

Existem, portanto, várias práticas que podem ser adotadas no ambiente corporativo para garantir a economia de energia na atividade industrial. Considere implantá-las e, ao fim de cada mês, os benefícios serão satisfatórios.

A eficiência energética na indústria é um caminho que pode levar a organização ao sucesso. Conhece outras ações que podem ser úteis? Então, não deixe de compartilhá-las conosco nos comentários!